17 June 2014

A pensar nas férias...

Já vos tinha dito que pretendo fazer este circuito, quando fizer a visita estival do imigrante a Portugal. Mas não, não será em Agosto!
Para o 1º dia vamos levar farnel, mas esperamos chegar em Gijón perto da hora de jantar. Já vos tinha referido que deveria ficar hospedada por lá . E o hotel já está reservado através do meu amigo booking.
Neste momento estava a ver bons locais para saborear uma boa comida, à noite ou de manhãzinha.

Um dos ingredientes que raramente falta na cozinha de Gijón é o queijo. Alguns dos mais populares são: o  Gamoneu, Los Beyos e o Oscos
Um dos pratos mais consumidos pela maioria das famílias de Gijón é a Caldereta, uma refeição que anteriormente era elaborada em grandes caldeirões. Consiste num guisado de peixes e mariscos, temperado com legumes como pimentão, tomate e cebola, juntamente com limão e vinho. 
Gijón também se destaca pelo seu chouriço asturiano (com um aroma forte, fumado e com uma pitada de colorau) e pelas suas morcelas.
A bebida dominante, tal como no pais basco, é a Sidra.
Caldereta

Não estou a contar ir a um restaurante Michelin ou algo da mesma fasquia, quero um restaurante central, com comida agradável e típica, e se possível a um preço apetecível.
Não foi fácil, parece-me tudo bastante caro e da minha pesquisa, ficam algumas ideias:

Sidreria La Galana
Beber umas sidras, na zona velha da cidade, e comer comida local.
Plaza Mayor 1033201 Gijón
12€-40€
http://www.restauranteasturianolagalana.es/

- Auga
Comida tradicional, perto do porto de Gijón, com boas vistas. 
37 -60€
Claudio Alvargonzález 33201 Gijón
http://www.restauranteauga.com/

- Ciudadela
Tapas e pratos tradicionais.
Menú: 16€-45€. Carta: 31€-58€
Capua 7 33202 Gijón
http://www.restauranteciudadela.com/

Quanto a doces e guloseimas a coisa tornou-se mais fácil. Gijón conta com 65 pastelarias, é uma das cidades de Espanha com mais pastelarias por metro quadrado.
Das sobremesas típicas de Gijón destaca-se o Frixuelo, feito com farinha, leite e ovos. A maneira tradicional de comer esta sobremesa é em rolos, quente é ainda melhor (tipo crepe). Outra sobremesa famosa é a Casadiella, um tipo de pastel de farinha de trigo com sabor de anis e recheado com nozes, avelãs e açúcar. 
Mas, e como escolher a pastelaria para provar estas tentações? Não é preciso escolher! Gijón dá-nos a oportunidade de percorrer 5 ou 10 das melhores pastelarias da cidade e comer um doce em cada uma delas, por apenas 7 ou 13 €. Como? Fácil. Basta adquirir numa das Oficinas de Turismo de Gijón, ou via online, o cartão "pastelarias pass". Há duas opções, um de 5 degustações e outro de 10. Vem com um mapa com indicação dos estabelecimentos e um pequeno guia com a informação sobre as pastelarias participantes e os doces que se debem provar.

As Pastas de Noz  e as Princesitas da Confitería La Playa, as Casadielles da Pastelería Biarritz, o Amagüestu do Pomme Sucre, as Telhas de Amêndoa da Confitería La Fé ou o Semi-frio de Arroz com Leite da Casa do Chocolate, são algumas das delicatessen que se podem saborear.
Outras opções, que não estão no pass, mas deveras tentadoras, poderão encontrar aqui.
Casadielles
Há alguém que já tenha ido a Gijón, o que aconselham? Obrigada.

No dia seguinte ainda não me decidi onde deveremos almoçar, mas vou fazer o trabalho de casa e dentro de dias faça um update.

Estejam a par das minhas viagens através do Facebook e Instagram

(Ref. Bibliográficahttp://www.gijon.info/page/5117-gijon-goloso; http://planeta-dunia.blogspot.com.es/2014/05/gijon-una-dulce-tentacion & http://www.pricetravel.com/gijon/food)

3 comments:

  1. Nunca fui a Gijón mas também já ando a sonhar com as férias!

    ReplyDelete
  2. Nunca provei sidra, mas babei com esses pastéis!!

    ReplyDelete

Thanks for your comment! / Obrigada pelo seu comentário!